Você - definitivamente - não precisa ir à academia

Atualizado: 20 de out.

Se você é daquelas que vive falando o quanto detesta musculação e morre de preguiça do ambiente de academia, você precisa - e vai ficar bem feliz em - ler esse artigo até o final.


Não é mais novidade pra ninguém o quanto o exercício físico faz bem à saúde - mental e física -, aumenta qualidade de vida, longevidade e previne inúmeros tipos de patologias. E talvez por isso mesmo você já tenha se matriculado na academia algumas boas vezes ao longo da vida, sem conseguir manter a frequência por muito tempo.


Mas a boa notícia vem agora: uma coisa não precisa ter absolutamente nada a ver com a outra. Ou seja, você pode praticar exercícios físicos de alta qualidade e ter todos os seus benefícios sem nunca mais pisar numa academia na vida.


É, inclusive, muito mais provável que você usufrua desses benefícios se apagar da lista de metas de 2022 "voltar pra academia (pela milésima vez)" e substituir por "encontrar uma atividade que eu realmente goste".


Mais importante que as especificidades de cada modalidade de exercício físico, é a manutenção dele na sua vida.

Isso significa que a musculação pode até ser excelente para aumentar os glúteos de maneira simétrica, mas se você detesta usar máquinas para se movimentar, é bem provável que não atinja a frequência e a intensidade necessária para esse objetivo, ficando sem o resultado e sem os benefícios da saúde.


Por isso, para se cuidar de maneira eficiente e - por que não? - prazerosa, é preciso olhar para si mesma e entender o que faz sentido para você a longo prazo. Se permitir experimentar novas metodologias, novos ambientes, perceber o que realmente funciona para você.


Quando descobrir se curte a competitividade e o levantamento de peso do Crossfit, ou os movimentos livres e o dinamismo do Treinamento Funcional ou a autonomia da Calistenia, vai ser muito mais fácil incorporar essa atividade na sua rotina, fazendo com que todo seu corpo, sua saúde integral e até seus objetivos estéticos sejam não apenas alcançados, mas mantidos,


E, além da motivação e da frequência serem muito maiores em atividades que você gosta, eu trouxe ainda 3 argumentos para você se libertar da pressão de estar constantemente matriculada numa academia e finalmente se encontrar nesse mundo "fitness":


1. Exercícios com sprints de corrida, saltos, polichinelos e tudo mais que vai pedindo fôlego ativam o metabolismo aeróbico. E isso, segundo comprova Robert S Kern et al. (2020), melhora significativamente a sua RESISTÊNCIA CARDIORRESPIRATÓRIA - ou seja, aumenta sua energia, sua disposição e diminui o risco de doenças de pulmão e coração.


2. Já os agachamentos, avanços, flexões e quase todos os exercícios que você pode fazer só com o peso do corpo, pesos livres ou até a fita de TRX (da foto abaixo) são exercícios resistidos, ou seja, trabalham FORÇA MUSCULAR (Alberga et al., 2016) e promovem a famosa hipertrofia, que além do tônus muscular, também te ajuda a evitar lesões e dores.



3. Um estudo de 2020 (Soligon et al.) já comprova a similaridade de ganhos de massa magra, força e funcionalidade entre um treino de MUSCULAÇÃO e um treino com TRX. Enquanto outro, feito no Japão (Ozaki et al., 2020), conclui que o uso de ELÁSTICOS e peso corporal nos treinos também traz excelentes resultados dos mesmos parâmetros, com um pequeno detalhe: os treinos supervisionados resultaram em ganhos ainda maiores de hipertrofia que os treinos feitos sem supervisão.


Agora, pra completar, aquele mesmo estudo de 2016 ainda comprova que:


Um só treino que combina os dois estímulos (força e resistência) tem melhores resultados em ambas as capacidades, de que treinar os estímulos isoladamente.

Ou seja, você não precisa mesmo de musculação e máquinas para se exercitar com qualidade. Treinos bem sistematizados, empenho genuíno e supervisão profissional são a chave para alcançar todos os objetivos físicos e de qualidade de vida que você tanto busca.


Se puder, ainda, acrescentar 15 a 20 minutos de Yoga ao final do seu treino - em casa, na praia, ou onde estiver -, ainda consegue, de bônus:


✔ Soltar a musculatura, eliminando tensões;

✔ Encontrar um padrão mais calmo de respiração;

✔ Reequilibrar as energias;

✔ Normalizar a FC (Frequência Cardíaca);

✔ Ficar 100% felizinha paro o resto do dia.



Entender e vivenciar o exercício físico enquanto autocuidado é a chavinha que falta para você ter uma vida integralmente mais plena daqui pra frente. Movimentar o corpo, relaxar a mente, se tornar alguém mais forte e flexível de corpo e alma é um projeto de vida que exige dedicação e esforço, mas vale muito a pena.


Te ajuda a se reconectar com o seu corpo, reacender o amor próprio, além de trabalhar aspectos como disciplina, foco, energia e qualidade de vida.


Em 2022, se permita vivenciar algo novo, por você. Não como fardo ou obrigação a mais, mas um respiro na rotina na corrida, pra limpar a mente e recarregar o corpo. Você sabe o quanto merece.


Namastê


PS.: Todas as teses elaboradas acima são o fundamento das nossas aulas de Yoga Cross na praia - se quiser saber mais, é só clicar aqui ou acompanhar os stories no @amandadutrayoga. E, se você não for de João Pessoa, fica atenta que, em 2022, as nossas aulas vão abraçar o mundo através do online!

25 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo